Comandos em Ação

Como memória é uma coisa que falha, venho tentando buscar lembranças que mantenham viva a chama dos ensinamentos de meu pai, para compartilhar com os demais alguns exemplos que, creio, aprendi com ele. E vou tentando, na medida do possível, ensinar ao meu filho.

O ano era 1985, talvez 86. A novidade da época era uma coleção de bonecos e carrinhos, chamada Comandos em Ação, acredito que vieram para substituir o antigo boneco Falcon, não lembro ao certo. Eu e meu irmão começamos a disputar quem conseguia comprar mais bonecos e carrinhos, tinha até helicóptero e barcos…

Morávamos numa casa repleta de árvores, um quintal de terra, bem grande. Eram cinco mangueiras, jabuticabeira, árvore-do-viajante, goiabeiras, dentre várias outras… Sabe aquela sensação gostosa de sombras e raios de sol, alternando-se ao sabor dos ventos? Era ali que passávamos boa parte das tardes, brincando…

Depois de algum tempo economizando mesadas, juntando com presentes de comemorações e lavagens de carros de vizinhos, conseguimos juntar uma certa quantidade de bonecos, jipes, tudo que fosse possível comprar da tal coleção. Faltava criar umas “bases inimigas” para colocar os bonecos e carrinhos. A bricadeira seria fazer uma guerra entre as bases.

Continuar lendo

Anúncios