Via-Láctea

parnasianismo-12-728

XIII

Ora ( direis ) ouvir estrelas!
Certo, perdeste o senso!
E eu vos direi, no entanto
Que, para ouví-las,
muitas vezes desperto
E abro as janelas, pálido de espanto

E conversamos toda a noite,
enquanto a Via-Láctea, como um pálio aberto,
Cintila.
E, ao vir do sol, saudoso e em pranto,
Inda as procuro pelo céu deserto.

Direis agora: “Tresloucado amigo!
Que conversas com elas?
Que sentido tem o que dizem,
quando estão contigo? ”

E eu vos direi:
“Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e e de entender estrelas

___
Olavo Bilac, em “Via láctea”

profissão-de-fé-Olavo-Bilac

Pelo fim da COMPETIÇÃO

“Todo mundo fala de paz, mas ninguém educa para a paz. As pessoas educam apenas para a competição e a competição leva à guerra.”
___
Pablo Lipnizky

Podio

Vivemos em uma sociedade que programa as novas gerações para a COMPETIÇÃO. Correto?

Então, se você observar bem, basicamente…

– O que é racismo? Competição.
– O que é machismo? Competição.
– O que é bairrismo? Competição.
– O que é xenofobia? Competição.
– O que é “bullying”? Competição.
– O que é homofobia? Competição.
– O que é fofoca? Competição.
– O que é a mentira? Competição.
– O que é a corrupção? Competição.

O que temos que eliminar de nossos hábitos, de nossas práticas, de nossa educação?

A competição.

O incentivo à competição de nossa sociedade moldada para o consumo transforma o cotidiano numa guerra velada, onde imperam as alianças em prol da destruição do “inimigo” comum.

Ao mesmo tempo que é desesperador constatar a falta de coesão humana, gerada por essa política de estímulo à competição, a realidade do decorrer dos dias nos faz perceber que mesmo as situações mais exdrúxulas são passageiras.

A solidariedade é facilmente percebida como sendo benéfica a todos.

A compaixão, a empatia, o abraço? Fundamentais.

Todo beco sem saída tem uma porta secreta.

Existe uma nova energia no ar, que permite a todos perceber o fútil, o supérfluo, o desnecessário.
E você, lá no seu interior, sabe que energia é essa, não sabe?

Nem Tudo Está Perdido

Everything’s Not Lost Nem Tudo Está Perdido
When I’m counting up my demons
Saw there was one for every day
With the good ones on my shoulders
I drove the other ones away

So if you ever feel on neglected
If you think that all is lost
I’ll be counting up my demons, yeah
Hoping everything’s not lost

When you thought that it was over
You could feel it all around
And everybody’s out to get you
Don’t you let it drag you down

‘Cause if you ever feel on neglected
If you think that all is lost
I’ll be counting up my demons, yeah
Hoping everything’s not lost

If you ever feel on neglected
If you think that all is lost
I’ll be counting up my demons, yeah
Hoping everything’s not lost

And singing it out
Oh oh oh yeah
Oh oh yeah
Oh oh yeah
And everything’s not lost
So come on yeah
Oh oh yeah
Come on yeah
And everything’s not lost
Oh oh oh yeah
Oh oh yeah
Oh oh yeah
And everything’s not lost
Come on yeah
Oh oh yeah
Come on yeah
Come on yeah
Oh oh yeah
Come on yeah
Everything’s not lost
Sing out yeah
Oh oh yeah
Come on yeah
And everything’s not lost
Come on yeah
Oh oh yeah
Sing out yeah
And everything’s not lost

Now I never meant to do you wrong
that’s what I came here to say
but if I was wrong then I’m sorry
but don’t let it stand in our way
cause my head just aches when I think of
the things I shouldn’t have done
but life is for living we all know
and I don’t want to live it alone
sing ah, ah, ah
sing ah, ah, ah
and you sing ah, ah, ah

Quando eu contei meus demônios
Vi que havia uma para cada dia
Com os bons nos meus ombros
Eu afastei os outros

Então se você sentir-se negligenciada
E se achar que tudo está perdido
Vou estar contando meus demônios, yeah
Esperando que nem tudo esteja perdido

Quando você pensou que tudo tinha acabado
Você podia sentir à volta
E todo mundo quer te pegar
Não deixe isso te puxar para baixo

Caso sinta-se negligenciada
Se pensar que tudo está perdido
Eu vou estar contando meus demônios, yeah
Esperando que nem tudo esteja perdido

Se você sentir-se negligenciada
Se achar que tudo está perdido
Vou estar contando meus demônios, yeah
Esperando que nem tudo esteja perdido

Cantando ah ah ah yeah
Ah ah ah yeah
Ah ah yeah
Ah ah yeah
E nem tudo está perdido
Então vamos lá, yeah
Ah ah yeah
Vamos lá yeah
E nem tudo está perdido
Ah ah yeah
Ah ah yeah
Ah ah yeah
E nem tudo está perdido
Então vamos lá
Ah ah yeah
Ah vamos lá yeah
Vamos lá yeah
Ah ah yeah
Vamos lá yeah
E nem tudo está perdido
Cante, yeah
Ah ah yeah
Vamos lá yeah
Nem tudo está perdido
Vamos lá yeah
Ah ah yeah
Cante, yeah
E nem tudo está perdido

Agora, eu nunca quis fazer mal a você
É isso que eu vim aqui pra dizer
Mas se eu estava errado, então me desculpe
Mas não deixe isso ficar no nosso caminho
Porque minha cabeça doí quando eu penso
das coisas que eu não devia ter feito
Mas a vida é pra ser vivida, todos nós sabemos
E eu não quero vive-lá sozinho
Cantando ah, ah, ah
Cantando ah, ah, ah
E você canta ah, ah, ah

everything_is_not_lost

A Educação Proibida

Este documentário produzido no ano de 2012, questiona a escolarização moderna e propõe um novo modelo educativo.

O atual sistema “PRUSSIANO” originado do padrão militar de educação da Prússia, no século 18, tem como objetivo gerar uma massa de pessoas obedientes e competitivas, com disposição para guerrear.

As escolas são colocadas no mesmo patamar das fábricas e dos presídios, com seus portões, grades e muros; com horários estipulados de entrada e de saída, fardamento obrigatório, intervalos e sirenes indicando o início e o fim das aulas.

Ou seja, o sistema educacional vigente acaba refletindo verdadeiras estruturas políticas ditatoriais que produzem cidadãos “adestrados” para servir ao sistema; nesses termos, qualquer metodologia educacional que busque algo diferente será “proibida”.

Infelizmente, esse foi o modelo que se espalhou pela Europa e depois pelas Américas. Sua principal falha está em um projeto que não leva em consideração a natureza da aprendizagem, a liberdade de escolha ou a importância do amor e relações humanas no desenvolvimento individual e coletivo.

E aqui estamos agora, com este problema enorme nas mãos…
Assim, fracassados somos todos os que compactuamos direta ou indiretamente com esta verdadeira máquina de subjugar crianças e adolescentes inocentes.

Este documentário é o resultado de mais de 90 entrevistas realizadas em 8 países através de 45 experiências educativas não convencionais e um total de 704 co-produtores.

Um projeto completamente independente de uma magnitude sem precedentes, o que explica a necessidade latente para o crescimento e o surgimento de novas formas de educação.

Colabore você também, divulgando e compartilhando o vídeo em redes sociais, promovendo um debate no seu meio social.

“Todo mundo fala de paz, mas ninguém educa para a paz. As pessoas educam apenas para a competição e a competição leva à guerra.”
( Pablo Lipnizky )

“Nunca duvide que um pequeno grupo de cidadãos, prestativos e responsáveis possa mudar o mundo. Na verdade, é assim que tem acontecido sempre.”
( Margaret Mead )

“A liberdade real virá quando nós nos libertarmos da dominação da educação ocidental, da cultura ocidental, e do modo de vida ocidental.”
( Mahatma Gandhi )

Algumas das propostas e princípios pedagógicos que sustentam “A Educação Proibida”:

  • Método Montessori;
  • pedagogia Waldorf (Rudolf Steiner);
  • pedagogia Crítica;
  • pedagogia Liberadora (Paulo Freire);
  • método Pestalozzi;
  • método Freinet;
  • A Escola Livre;
  • A Escola Ativa;
  • pedagogia Sistêmica;
  • educação Personalizada;
  • pedagogia Logosófica.

A Divina Comédia

Pintura alterada do original de Gustave Doré.

Pintura alterada do original de Gustave Doré.

DANTE e a NUMEROLOGIA – Uma prova da conexão Illuminati Pitagórica.

A DIVINA COMÉDIA é dividida em exatamente 100 cantos (um canto é o que se encontra em poemas épicos e equivalente a um capítulo de uma novela). O número 100, de acordo com as leis de adição da numerologia mística, equivale a 1+0+0 = 1 = Deus.

A Divina Comédia esta’ dividida em 3 livros ( Inferno, Purgatório e Paraíso) e cada livro tem 33 cantos (onde o Inferno tem um canto extra, que serve de introdução)….note o sagrado número 33 para os maçons, Templários e Illuminati.

Através do poema épico, uma grande atenção é dada aos números 3, 6, 9 e 10. Eles estão inseridos em todos os lugares.

10 (o número da tetraktys de Pitágoras) é o número da perfeição, e o motivo pelo qual a abóboda de Deus, aparece justamente após as nove esferas celestes.

Nomes importantes no poema de Dante aparecem seguindo uma precisa fórmula numérica. Um significante nome de personagem aparece 63 vezes (6+3=9). O mesmo nome é usado 9 vezes, como uma palavra rimada. Cada aparecimento do nome está relacionado aos números 3 e 9, de uma forma ou outra.

O poema todo está saturado com relações numéricas. Ele poderia ser melhor entendido matematicamente do que verbalmente, uma grande característica da simbologia Illuminati.

INFERNO: Inferno tem 1+9 níveis ( 1+9=10 = 1+0= 1). O primeiro nível é o vestíbulo do inferno onde os neutros, aqueles que não seguiram nenhuma causa em suas vidas, são alocados. Ninguém os quer, nem mesmo o inferno. Ninguém quer discutir sua vida e é dito que eles nunca foram realmente vivos.

O número de torturas presentes no Inferno é 144.000….um número que fala por si só, biblicamente e ao mesmo tempo, sua somatória é 9.

PURGATÓRIO: Purgatório tem 2+7=9 níveis + 1 especial nível ao topo (1+9=10 = 1+0 =1) . Um buraco do inferno emerge na ilha do Purgatório. A ilha é dominada por uma simples torre que está dividida em 9 terraços.

No alto do Monte Purgatório, completamente diferente em características, comparativamente aos terraços inferiores, emerge o Paraíso Terreno (O Jardim do Éden) de onde as almas purificadas ascendem para o Paraíso Celestial.

PARAÍSO: Tal e qual o Purgatório, tem 9+1 níveis (9+1= 10 = 1+0 = 1)
O local que será habitado no Paraíso dependerá do tipo de vida que a pessoa tiver. As nove esferas são:

– Primeira : Esfera da Lua – O Inconstante
– Segunda: Esfera de Mercúrio – O Ambicioso
– Terceira : Esfera de Vênus – O Amante
– Quarta: Esfera do Sol – O Sábio
– Quinta : Esfera de Marte – Os Guerreiros da Fé
– Sexta : Esfera de Júpiter – Os Justos
– Sétima : Esfera de Saturno – Os contemplativos
– Oitava: Esfera das Estrelas – Fé, Esperança e Amor
– Nona : Última Esfera do Universo Físico – Esfera a ser movida por Deus e seu movimento provoca o movimento de todas as outras – Também chamada de Esfera dos Anjos.

Notem a relação com os nove mundos sustentados pela árvore Yggdrasil, referenciados na mitologia nórdica, onde Asgard, o local dos nobres e dos deuses Aesir.

Observem que o Purgatório e o Paraíso tem a estrutura de ( 9+1) enquanto o Inferno tem o reverso (1+9), mostrando que é o oposto da ordem divina.

Veja a construção da trama na série de livros O Sol Negro, seguindo a mesma estrutura de numerologia Pitagórica, neste caso destacando-se os números 11, 7, 8 e 9….o que será que eles querem dizer em O Sol Negro? Você consegue descobrir?
___
Fonte: [ O Sol Negro – Livro ]

Tá lá o corpo…

É aquela estória do corpo caído no meio da rua.

“Atrapalhando o trânsito”.

É a pressa, apressada, atravessando correndo a rua…

Uma insensibilidade criada pela rotina;

Um desabar de dominós de absurdos, caindo uns por cima dos outros… Dominós de terno e gravata, você sabe como é…

E você olha para um lado e tem terra pra C#@&$&*@%! E você olha para outro lado e tem terra pra C#@&$&*@%! …

E água. E mar.

E tem a pressa, apressada, atravessando correndo o mar…

(soube que os governos mudaram de postura…)

– Tomara que a Internet seja capaz de salvar o mundo!

santo na estrada